Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2021 (66) 98428-3004
informe o texto a ser procurado

Notícias / Brasil

22/09/2020 | 07:44 - Atualizada em 22/09/2020 | 09:49

Embrapa lança livro de referência para correção e adubação de solos no Pará

Redação - Repórter Agro por Tiago Seiffert com Embrapa

Embrapa lança livro de referência para correção e adubação de solos no Pará

Foto: Embrapa

Uma das publicações mais esperadas no meio agropecuário e florestal paraense – a segunda edição do livro Recomendações de calagem e adubação para o estado do Pará – chega ao público nesta terça-feira (22), lançada pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Vem com o conteúdo totalmente revisto, atualizado e ampliado, contemplando os avanços do conhecimento dos últimos 13 anos a respeito das 67 culturas de interesse econômico presentes na obra. O lançamento acontece em transmissão ao vivo, às 16 horas, pelo canal da Embrapa no Youtube.

A baixa fertilidade e a elevada acidez são características da maioria dos solos do Pará. Não à toa a primeira edição, publicada em 2007, foi marco referencial nessa temática, esgotando-se rapidamente, e a segunda promete ser ainda mais. O foco é no Pará, mas os especialistas explicam que o manual de recomendação, por ser um modelo médio com informações básicas para se obter retorno econômico, pode ser adaptado às condições locais de estados vizinhos, como Amapá, Amazonas e Maranhão, onde clima e solo apresentam similaridades.

O pesquisador da Embrapa Edilson Carvalho Brasil, autor e um dos editores técnicos do livro, afirma que a expectativa do setor produtivo em torno dos novos conhecimentos disponibilizados no livro se deve em grande parte ao fato de que, mesmo com a crescente utilização de práticas modernas na agricultura observada nos últimos anos no Pará, “o rendimento médio da maioria das lavouras no estado ainda fica abaixo da média brasileira e muito aquém das médias de produtividade dos principais estados produtores”.

Diferenciais da obra 

As novidades e o diferencial da nova edição refletem demandas reprimidas dos produtores, como o enfoque especial dado desta vez em floresta plantada. Cinco espécies florestais que ganharam expressão em plantios comerciais na região foram incluídas: o eucalipto, mogno-africano, parapará, paricá e teca.

“Outras três culturas passaram a figurar com recomendações específicas, a goiabeira, o curauá e as pimenteiras. O cacau ganhou recomendação diferenciada para a região da Transamazônica. Três práticas que ganharam impulso na última década entraram no livro, que são o uso de gesso na agricultura, a hidroponia e a fertirrigação. Atualizamos as recomendações em cima de informações tanto de plantio direto como de plantio convencional. Também dedicamos uma seção à legislação sobre fertilizantes e corretivos”, destaca o pesquisador da Embrapa Edilson Carvalho Brasil, autor e um dos editores técnicos do livro.

Saltos de produtividade

A produção e entrega do livro Recomendações de calagem e adubação para o estado do Pará para a sociedade, comenta o editor, representa o esforço e a união de várias instituições regionais e do setor produtivo no sentido de “tornar possível o uso de tecnologias capazes de promover saltos de produtividade sem avançar em áreas de floresta, capazes de aumentar os níveis de emprego e renda nesse segmento econômico do Pará, propiciando maior bem-estar social e preservação ambiental”.

O pesquisador Edilson Brasil ressalta o potencial da obra como instrumento de transferência de tecnologia. “Obras assim tendem a ser adotadas como cartilha máxima na área por pesquisadores, professores, estudantes, produtores e técnicos de extensão rural. É um manual indispensável para a produção em bases racionais”, enfatiza.

O cientista diz que, em relação à publicação de 2007, o novo livro cresceu não apenas no número de autores (57), páginas (419) e partes (8), mas também no total de instituições parceiras (17) mobilizadas durante cerca de três anos para a produção de conteúdo a partir de encontros e reuniões, assim como também na quantidade de culturas de interesse econômico (67) alvo das recomendações de calagem e adubação.

Grupos de culturas
A primeira parte do livro trata dos aspectos conceituais relacionados a conhecimentos básicos necessários para a efetiva utilização de corretivos, fertilizantes e condicionadores de solo. No restante da obra encontram-se recomendações de calagem e adubação para 67 culturas de interesse econômico do estado do Pará, sistematizadas em sete grandes grupos de plantas cultivadas (culturas anuais; culturas industriais e perenes; hortaliças; plantas frutíferas; plantas ornamentais e flores tropicais; plantas forrageiras e gramados; e espécies florestais).
Lançamento virtual

Para marcar o lançamento da obra, escrita em parceria com 17 instituições de pesquisa, ensino, extensão rural e iniciativa privada, os editores técnicos promovem um debate com autores, produtores e empresários do segmento agropecuário do estado. O debate vai acontecer no canal da Embrapa no youtube (www.youtube.br/embrapa), às 16h do dia 22/09.

A publicação física será comercializada na livraria virtual da Embrapa. No formato eletrônico, em PDF, o livro será disponibilizado gratuitamente para download aqui.

SERVIÇO

Lançamento do livro Recomendações de calagem e adubação para o estado do Pará

Data: 22/09

Hora: 16h

Local: www.youtube.br/embrapa
 
 

1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • Edson Alves Ribeiro 23/09/2020 | 00:00

    Muito bom , Deus abençoe a todos.

Desenvolvido por Investing.com
Resumo Técnico fornecido por Investing.com Brasil.
 
Sitevip Internet